quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Como é difícil dizer adeus!



Como é triste ver alguém se distanciar...
Como é sofrida a saída de alguém de nossa existência!
Como causam lágrimas bons momentos vividos que não mais aconteceram...
Como dói lá dentro esse afastar...
Mas é necessária a separação.
Faz parte de um processo maior
Um ciclo que se renova,
Que cria o movimento
Ir e vir... São ambigüidades do existir
Chorar e sorrir... São sensações de catarse
Mas valeu a pena viver, ou meio que viver.
O diálogo e o monólogo
O despertar e o adormecer
O sonhar e o acordar
O conhecer e o esquecer...
O que nunca será esquecido!


Márcia Araújo

sábado, 9 de janeiro de 2010

PARTEJAR




Partejar é difícil
Seja com ajuda, cesariana
Seja fórceps, expulsão
Seja natural, naturalmente
Fazer parte do mundo e se sentir a parte dele
A partir do encontro com a parteira!

Partejar é difícil
Partir sem lágrimas, sem despedidas
Para participar de outros mundos
Sentir-se partícula
Às vezes particular às vezes universal.

Partejar é difícil
A partir de um encontro
Na parte que morre...

Partejar é necessário!

Márcia Araújo

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Um Garoto



Olho a chuva e lembro de você
Olhos miúdos, sorriso gostoso
Uma fala mansa, até meio doce...
Um jeito despretensioso.

Um garoto, um rapaz
Uma pessoa diferente
Que anda mexendo com minha paz

Alguém que surgiu de repente
Um ser surpreendente
Que me faz sentir uma coisa incrível
Faz-me ser adolescente.

Com você, por você tudo parece possível
Mas tem o instante seguinte
E aí eu não encontro rima...

Márcia Araújo

sábado, 2 de janeiro de 2010

VERBOS



Viver... Amar.
Acordar... Agir.
Dormir... Sonhar.
Mentir... Fugir.
Perder... Aprender.
Vencer... Crescer.
Falar... Conquistar.
Apaixonar... Enlouquecer.
Calar... Ganhar.
Rever... Perdoar.
Fingir... Sofrer.
Comer... Saciar.
Seduzir... Poder.
Apreender... Entender.
Acreditar... Ser.
Meditar... Conhecer.
Morrer... Renascer.


Márcia Araújo

Uma Manhã no MAP

video

Kahlúa (Cafeteria)






Sinto-me em um aquário
Aquário diferente
Mas ainda assim um aquário
A minha frente:
Cappuccino, carlton e cinzeiro
Fora do aquário: Pessoas
Estranhas, gordas, magras, altas...
Invisíveis na maior parte do tempo!
Dentro do aquário: Pessoas
Estranhas, gordas, magras, altas...
Invisíveis na maior parte do tempo!
Quem está fora?Quem está dentro?

Márcia Araújo